Poema Da Semana #7

Oi, tudo bom? :)
Aqui é o Poema Da Semana, que vai ser uma coluna aonde eu escolho um poema legal, fofo ou divertido. Ou sei lá o quê. Mas vai ser legal *_*

~*~


O tempo

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando de vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará...

—Mário Quintana

"Mário de Miranda Quintana (Alegrete30 de julho de 1906 — Porto Alegre5 de maio de 1994) foi um poetatradutor e jornalista brasileiro."

0 viajantes:

Postar um comentário

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.