[Resenha] Luar Peregrino #7 - A Fortaleza De Rufus, de Wilson Frungilo Jr.


Então, o que dizer desse novo livro? Bom? Ruim? Não sei. De fato, o livro é bom, e a série parece sempre ter alguma aventura para contar (ou seja, não fica no enrolation), mas simplesmente não é um must read. Mas, bem, se você quiser ler, não ficará decepcionada(o)! - ou assim espero.
O outro livro, Pelos trilhos, acabou com Luar fugindo. Spoiler agora: fugindo? ele tava era se escondendo dos bandidos!!! - pronto, acabou. De quem? Bem, isso seria acabar com a série toda, mas, fazer o quê? Dos bandidos que querem matar ele (melhor só dizer isso). No entanto, ele é muito esperto, e engana os bandidos. Continua na fazenda, ensinando e aprendendo, sempre pondo em prática tudo o que aprendeu (e ele também é muito modesto). Ensina a uma moça irresponsável algumas reflexões sobre sua vida e sobre o feto que ela tem, além de diversas outras aventurazinhas. O final, quando finalmente os bandidos descobrem onde está - puseram a cabeça pra funcionar, né - ele tem que fugir. No outro lado, Marta e Helena (a apaixonadinha por Luar) conseguem, finalmente (também) descobrir onde está (ou bem, onde estava) Luar. E, quando elas estão se encaminhando para lá... quase atropelam um cachorro. Mas um cara o salva (Adivinha quem!). E o resto, é segredo - shiii! - e não vou contar! ;)

Classificação:
Capa: 9,5
História: 8,5
Narrativa: 8,0
Nota geral: 9,0


Autor: Wilson Frungilo Junior
Editora: Instituto De Difusão Espírita
Ano: 2001 (Brasil)
Págs: 128
Título Original: -
Coleção: Luar Peregrino, #7


2 comentários:

  1. Oi Isa! Obrigada por ter deixado a opinião lá! Beijocas :*

    http://myevery-thing.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oii Isa ..
    Gostei da resenha .. bem produtivo .. vai para listinha ..
    bjbj

    =]'

    ResponderExcluir

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.