[Resenha] A Agenda, de João Varella


Quando eu li a sinopse desse livro, eu esperava uma determinada história, mas assim que comecei a ler, fui surpreendida, porque a realidade é que essa sinopse nos mostra um pouco apenas do mundo em que se passa A Agenda.

Com uma narrativa ótima, rápida e ao mesmo tempo, nada ordinária, é fácil ler rapidamente o livro, mesmo que não seja recheada de acontecimentos emocionantes ou revelações surpreendentes. Achei isso um ponto positivo, afinal, é um livro sobre o cotidiano de pessoas normais e comuns e conseguir construir uma narrativa tão gostosa sobre um assunto que facilmente cairia no “tedioso” é um ponto positivo sobre a escrita de Varella.

A história em si conta sobre a vida de várias pessoas, que trabalham num escritório de uma importante empresa do ramo da educação, mas, mais especificamente sobre Sandra Macedo, uma executiva muito bem sucedida profissionalmente, mas com uma vida pessoal terrível, afinal, não é próxima da própria filha e seus relacionamentos amorosos são todos supérfluos e passageiros.

Além da história de Sandra, somos apresentados a Carrano, um homem que adora escrever e com uma condição de vida precária, vivendo com seu sobrinho, uma criança inteligente e esforçada. Aparentemente a história dos dois jamais se cruzaria, vista a condição de cada um, mas graças a uma agenda – sabiamente colocada como o título – duas pessoas de mundos diferentes se conhecem.

A escrita de João Varella é, sem dúvida, a melhor parte desse livro. Ele consegue dar um tom leve e ao mesmo tempo consciente, aos acontecimentos do livro, sem de fato julgar ou querer pegar o caminho fácil. O prefácio é uma grande explicação dessa habilidade de Varella, aliás, tudo o que lemos lá faz sentido após terminarmos a leitura do livro.

Varella não espera um mundo perfeito, com pessoas que mudam por amor, ou que se tornam melhores. Ele encara o mundo como ele é, ainda, infelizmente, mas longe de ser uma narrativa melancólica e depressiva, A Agenda é um livro muito interessante que pode revelar mais sobre nós mesmos do que pensamos.


Autor(a): João Varella
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013 (original)
Páginas: 240 (original)
Nome original: -
Coleção: -

0 viajantes:

Postar um comentário

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.