[Resenha] Ladrões de Elite, de Ally Carter


Uma deliciosa história, divertida, alegre e com uma trama diferente do que vemos por aí. LdE é isso sim. A história me cativou desde que eu vi seu lançamento lá fora, no começo do ano passado. Assim que soube que a Arqueiro ia lançar, fiquei muito animada, afinal, era um livro bem desejado por mim. Porém, até eu receber  o meu exemplar e lê-lo, vou confessar: eu já tinha lido tantas resenhas, tantos comentários, tantos, que eu nem estava mais animada para ler, porque eu sentia como se já soubesse tudo que ia acontecer no livro inteiro.

“Kat sabia muito bem o que era honra. Ela havia crescido com um sistema de regras muito especial. A primeira regra da família de Katarina Bishop era simples: não seja pego.” (pág. 14)

Então, não comecei a leitura esperando um romance incrível, mesmo que a história seja bem criativa    afinal, é bem raro vermos young adults falando sobre jovens ladrões (de elite hehe), certo? Ally foi muito feliz na sua escolha, por não dar um tom vulgar à vida dessas pessoas, ela mostra como, apesar do trabalho pouco convencional, elas ainda são uma família, ainda brigam, ainda se amam.

“– E você veio sozinha – afirmou ele, embora fosse uma pergunta, na verdade.
– Eu poderia dizer que sim e você acharia que estou mentindo. – Ela deu um passo à frente e correu a mão sobre o couro macio de uma poltrona – Ou poderia dizer que não e você acharia que estou blefando. Então acho que direi apenas: sem comentários.” (pág. 67)

Kat foi uma das melhores personagens do livro, na verdade eu gostei de quase todos, porque... Ah, são cativantes. Hale... bem, Hale foi meu grande amor nesse livro!! Ele é exatamente um dos tipos literários de garoto que gosto: inteligente, levemente arrogante, poderoso e sarcástico. Não dava para não se apaixonar por ele, viu! O fofo e a Kat fazem uma ótima dupla, apesar de (incrivelmente) o primeiro livro da série não se focar muito no romance e sim no roubo que eles precisam fazer.

“Algumas vezes, Kat achava saber tudo sobre W. W. Hale V – com exceção do seu primeiro nome. Mas também havia momentos como esse, em que ele lhe parecia a primeira edição de um romance antigo, do qual ela não tinha sequer terminado de ler o primeiro capítulo.” (pág. 74)

Ah, o roubo! Já comentei que Hale era poderoso? Pois bem, o garoto é poderoso. Ter um aliado daquele jeito foi muito útil a Kat, já que no livro eles visitam milhares de lugares, como Paris, Londres, Viena... Eles dão quase a volta no mundo! Às vezes isso pode soar meio irreal, já que os garotos têm apenas 15 anos, mas a história é tão bem escrita que isso realmente não afeta o desenrolar. O tal grande roubo é muito interessante de se ver planejar, principalmente porque a tal equipe de ladrões são quase crianças e, por isso mesmo, são divertidos e com um bônus de serem extremamente inteligentes.

“– E eu não escolhi esta vida, Kat. Eu escolhi você.” (pág. 179)

Não comentei sobre alguns personagens, mas o tio Eddie foi alguém que me cativou, ele é como o grande mandante da família Bishop, ele é *NINJA*, mais até do que Hale e Kat. Mas, algo que desgostei no livro foi a correria. Quase no final do livro, surge um novo personagem, Nick, e ele... Ai, não sei se eu já estava caidinha por Hale, ou se ele é chato mesmo, o caso é: eu simplesmente não senti ligação com o garoto. Sabe quando você acaba de conhecer a pessoa e simplesmente não fez amizade ainda? Pois é. E olha que Nick tinha sotaque INGLÊS e vocês sabem como eu adoro um bom sotaque (australiano e irlandês também são legais).

Ladrões de Elite é uma boa leitura descompromissada, com doses de humor, diversão e alguns assaltinhos bem grandes. Já tem continuação e eu espero ler em breve! As capas aliás, são muito bonitas. Leia, aproveite, viaje junto com os personagens e tenha um bom assalto!

And welcome to the Heist Society.

(Quatro estrelas    9,0)


Autor(a): Ally Carter
Editora: Arqueiro
Ano: 2011 (Brasil) / 2010 (Estados Unidos)
Páginas: 240 (Brasil) / 304 (Original)
Nome original: Heist Society
Coleção: Ladrões de Elite, #1

6 comentários:

  1. Adorei a resenha, faz um tempão que estou querendo ler este livro, o problema é o dindin para compra-lo. Agora com sua resenha minha vontande aumentou!
    Ai ai, meu dindin vai só para livros uahuahua
    Beijokas enormes
    Brih
    Meu Livro Rosa Pink
    http://meulivrorosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Gosto dos livros da Ally Carter, apesar de ainda não ter nenhum :S Estou de olho nesse livro desde que ele chegou aqui no Brasil!! rsrs Mas, ainda vai demorar para eu conseguir lê-lo! rsrs
    Adorei a resenha ;D

    Beijos
    Ann .:. anngominho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. a resenha ficou ótima. já vi muitas delas... a sua me chamou bastante atenção *_*
    beijos
    boa semana flor

    ResponderExcluir
  4. Essa história parece ser muito boa! Quero muito ler! Ameii a resenha!

    ResponderExcluir
  5. Eu estou com esse livro a algum tempo na minha lista de leitura, tinha muita vontade de lê-lo, mas fui passando livros na frente e até hoje nao li, mas agora que li sua resenha minha curiosidade quanto a ele voltou, ainda bem, quem sabe não leio quando acabar a minha leitura atual ^^

    Fellipe
    http://www.danifuller.com/

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha,parabéns,você escreve super bem, e é bem detalhada.

    ResponderExcluir

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.