Na Pilha #9

O "Na Pilha" é um meme aonde eu mostro meus últimos desejos literários (geralmente os Internacionais) que eu acho no Skoob, no GoodReads, na Amazon, no Book Depository, em blogs internacionais e daqui... ;) (Totalmente inspirado no meme de mesmo nome da Carol!)

Yey, mais um Na Pilha! E com desejadíssimos... pra variar. Mas tem livro distópico, gente *-*.

 
Dark Parties, de Sara Grant.

Neva, de 16 anos, vive aprisionada desde seu nascimento. Ela nasceu e foi criada sob a Protectosphere ("Esfera Protetora), numa nação isolada governada por medo, mentiras e xenofobia*. Um escudo "protege"-os do mundo de lá de fora, mas também prende os cidadões dentro. Mas não resta nada do outro lado dessa proteção, desde que o mundo entrou em colapso, por causa de muitas guerras violentas. Pelo menos é o que o governo diz...
Neva e sua melhor amiga Sanna acreditam que o governo está mentindo e montam uma "festa obscura" (dark party) para recrutar membros para sua revolução clandestina. Mas conforme Neva começa a descobrir a verdade, ela percebe que ela deve questionar tudo que ela sempre conheceu, incluindo as pessoas que ela mais ama.
(sinopse traduzida por mim tá ruim mesmo)
*xenofobia: medo irracional, aversão ou extrema antipatia por pessoas estrangeiras.

Comentários: eu acho que eu vi pela primeira vez esse livro na Amazon, quando estava navegando pelas indicações... a capa não tinha me chamado muito a atenção - na verdade, ela me dá medo :S - mas agora vejo que, sendo um livro distópico, faz todo sentido uma mão cobrindo os olhos, no sentido que o governo omite fatos bem importantes dos cidadões. Esse distópico me chamou atenção também porque a protagonista da vez, Neva, não acredita nessa sociedade e organiza festas secretas, diferente da maioria dos livros distópicos, aonde (no primeiro volume, pelo menos) as protagonistas vão se ligando dos fatos aos poucos. Mas gente... o livro promete, viu!
Obs.: eu vi no Book Depository outra capa, da versão paperback (veja aqui), mas achei que fugiu um pouco do contexto da história...

Between Here And Forever, de Elizabeth Scott.
Abby aceitou que ela não pode ser comparada com sua bela e atraente irmã, Tess, faz tempo, e ela sabe exatamente o que é: a segunda melhor. Invisível.
Até o acidente.
Agora Tess está em coma e a vida de Abby está em espera. Talvez tenha sido difícil conviver com Tess, mas não é nada comparado a viver sem ela.
Mas ela tem um plano para trazer Tess de volta, envolvendo o maravilhoso e misterioso Eli, mas então Abby descobre uma coisa sobre Tess, uma coisa que sempre esteve lá, mas ela nunca tinha visto.
Abby está para descobrir que aquela verdade nem sempre é o que você pensa que é, e que aquela vida contém mais coisas que ela jamais pensou que poderia...
(sinopse traduzida por mim tá ruim mesmo)

Comentários: vamos por partes. Primeiro, eu adoraria ler um livro da Elizabeth Scott, pois todos que vejo têm histórias incríveis e bonitas. Segundo, eu acho tão legal o título! Tem tudo a ver com a situação que Abby vive, além de soar bem legal (cá entre nós, até em português não fica ruim! haha). Terceiro, a capa do livro é a coisa mais linda, fofa e simples do mundo. Eu adoro girassóis e essa capa me passa uma sensação meio de calma, meio "o-que-será-que-essa-garota-está-pensando?". Quarto, a história promete! Eu andei lendo umas resenhas em blogs internacionais e confesso, sei alguns spoilers que preferia dormir sem, mas o que será esse mistério de Tess? Hum, deixa curioso o leitor, não? :)

Livro-bônus (ok, edição especial!)

Accomplice, de Eireann Corrigan.
Quão longe você iria?
O plano deles: um sequestro falso.
O resultado: imprevisível!
Eles tem boas notas - mas isso não é bom o suficiente. Eles passam horas no serviço comunitário - mas isso não é bom o suficiente. O orientador de Chloe e Finn diz que as faculdades de elite tem jovens o bastante com boas notas e com um currículo perfeito, então Chloe decide que eles vão ter que chamar atenção das faculdades de outra maneira. Ela e Finn fingirão o desaparecimento de Chloe, e então, quando a CNN estiver no batente de sua porta e a população, fisgada, Finn a achará e a salvará. Parece o plano perfeito - até as coisas começarem a dar errado. Muito errado.
Era para ser um crime sem vítimas. Era para Finn ser o bom cúmplice, e Chole, o objeto escondido da atenção. Mas quando as coisas ficam tensas, situações ficam mais e mais extremas... e o que uma vez pareceu algo sem vítimas, não parece mais tão inocente.
(sinopse traduzida por mim tá ruim mesmo)

Comentários: ah, vai dizer que não figou interessado? Eu adorei essa sinopse doida e apesar de não ser muito o meu estilo de livro, parece ser um daqueles que você não consegue parar de ler *-*. E a capa também tem tudo a ver com a história, já que era pra ser um sequestro falso, mas no final... bem, nada é tão inocente mais. Chloe e Finn parecem ser jovens psicopatas com todo esse plano doido, mas é isso que torna o livro interessante. WISH LIST!

E vocês? Quais são seus últimos desejos literários? Gostaram desses aí? Já conheciam?

Um comentário:

  1. Oi Isa (:
    Fiquei bem curiosa principalmente por esse Dark Parties e por essa capa também! Realmente a outra capa na minha opinião, fugiu do contexto da história.
    Também sempre quis ler algo da Elisabeth, mas ainda não tive oportunidade. Agora fiquei curiosa pra saber o segredo da Tess.
    Agora esse Accomplice parece ser muito bom. Quero saber o que vai dar errado nesse plano!
    Ótimas indicações Isa, sempre que eu vejo post de "Na Pilha", minha lista de leitura aumenta, rs.
    =*

    ResponderExcluir

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.