[Resenha] Meu Tio, de Jean-Claude Carrière


Quando vi a capa do livro, o que mais chamou a minha atenção foi...
A foto do garoto com o tio, de chapéu engraçado. E, apesar de só ter duas cores (vermelho e azul), ficou lindo.


O livro é sobre...
Um garoto, que tem pais “certinhos”, uma vida “certinha”, mas que simplesmente não gosta disso. Sua única felicidade verdadeira é quando passeia com seu tio pelos mais diversos lugares, conhecendo pessoas diferentes e coisas jamais imaginadas.


Eu escolhi este livro porque...
Eu tinha esse livro há séculos, mas na época que “ganhei” não estava muito animada, então nem dei bola. Quando vi que o tema em Janeiro era infanto-juvenil, pensei: esse livro é perfeito!


A leitura foi...
Boa, sem muita enrolação, afinal, o livro é bem curtinho.
O personagem que eu gostaria de conhecer é o tio de Gérard, senhor Hulot. Por quê?
Ele parece ser uma pessoa incrível, daquelas que não se preocupam com as coisas que os adultos normalmente são tão ligados, e sim em vivenciar cada momentinho da vida. Se existiu ou existe alguém assim, provavelmente é uma “figura”.

O trecho do livro que merece destaque:
“É, eu já era um homenzinho, é, tinha posto uma bela gravata. Sim, moça, eu ia bem na escola, para agradar meu pai, para fazer minha mãe feliz...
Mas por que diabos você se interessava por tudo isso?”
(pág. 106)

A nota que eu dou para o livro:
4 – gostei bastante!

Autor do livro: Jean-Claude Carrière
Tema:Infanto-juvenil
Mês: Janeiro/2011
Título: Meu tio.                         
Editora: Cosacnaify
Nº de páginas: 176 páginas.

12 comentários:

  1. Adorei o formato da resenha =D! E a capa é uma fofura, principalmente a versão francesa (o jogo de cores me agradou mais nesta).

    Personagens como o tio (e sua joie de vivre) sempre me interessam e parecem o tipo de gente com a qual eu gostaria de conviver, mas que se acaso conhecesse, possivelmente não se tornaria meu amigo rs

    :**,
    Léka

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Interessantíssimo o formato da resenha! Ficou bem fácil e divertido de ler; resenha sucinta, objetiva e crítica.

    Abraços e sucesso.

    ResponderExcluir
  3. Isa, achei o título tão convidativo, parece-me uma história com um pézinho na terra de nossos sentimentos familiares. Amei sua participação!

    Bjs
    Vivi

    ResponderExcluir
  4. O tio pela sombra me lembrou o Sherlock Holmes...rs

    ResponderExcluir
  5. Boa resenha, fiquei com vontade de ler o livro :)
    (e a capa é uma graça)

    ResponderExcluir
  6. Léka, eu também amei a capa francesa, com o cachorrinho lá... Na brasileira também tem, mas só na contra-capa (e como sou fã de cães, né, lógico que prefiro a que tem na capa, r). Acho que depende muito como a gente "olha" para esse tipo de pessoa (ex: os pais de Gérard).
    Ana, eu também gostei bastante, mas não fui eu quem fiz, foi o DL 2011 e somente segui a sugestão. Sucesso pra você também! =D
    Vivi, fico feliz que tenha se interessado pelo livro. Realmente, ele é muito fofo e sentimental.
    Roberta, depois que você fez esse comentário, fui ver a capa e... tãdã, também achei isso! hahahaha'
    Lígia, não perca seu tempo e leia! É muito bom e diferente dos livros que vemos por aí (no bom sentido)...
    Bjoos.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns,

    A resenha foi objetiva, direta e atingiu o objetivo que é despertar o interesse pela leitura da obra que por sinal parece ser bastante agradável por nos lembrar de alguém anossa família que temos como modelo de conduta.

    Parabéns!

    Abs, Rê

    ResponderExcluir
  8. Interessante, não conhecia mesmo...
    Fiquei curiosa para ler!!!
    Parabens, seu blog é um amor. Gostei tanto que estou seguindo.

    http://ofantasticomundodaarte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Adorei as capas, sou doida por capas e estas são especiais. Achei o formato d tua resenha bem prático porque abarca os aspectos mais relevantes para conhecermos uma obra. Parabéns!
    estrelinhas coloridas...

    ResponderExcluir
  10. Adorei o formato da resenha, e fiquei com vontade de ler o livro. Coloquei na lista. Obrigada =)
    Beijocas

    ResponderExcluir
  11. Você sabia que vários dsses livros foram filmados em francês por um ator e diretor chamado Jacques Tati? Vale pena procurar e ver.
    abs
    Jussara

    ResponderExcluir
  12. Parece ser um bom livro! Mas fiquei curiosa quanto à linguagem do livro. É tranquila? Porque pensei em comprar em francês para dar uma treinada (:

    Lidy
    [http://demaneiralguma.wordpress.com]

    ResponderExcluir

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.